A mendicância da humanidade no Universo

Posted on 16 de abril de 2010

10


Assim como ocorreu em diversos outros anos (666, 1.000, 1.033, 2.000, 2.006 e etc.) agora chegando próximo de 2.012 novamente começa a especulação sobre o fim do mundo. A falta de sentido na vida faz as pessoas dramatizarem tudo onde ficam procurando sentido nas coisas para lhes dar conforto e crer que sua existência transcende algo além de apenas a manutenção por um período de tempo de uma entidade biológica, seu corpo. Os religiosos são assim, jogaram para a morte o escopo de sua existência por isso abdicam de tudo que a vida tem pelo contentamento de uma vida futura. Estes sim, que matando seu próprio desejo de viver passam apenas a manter vivo seu corpo na espera da morte e na esperança de uma vida eterna bacana.

Não se contentando em viver e não aceitando que o sentido da vida possa ser ela própria colocaram na morte o sentido de sua existência. Vivem para morrer. Não se contentando em fazer isso consigo mesmo querem levar os outros neste plano mirabolante de fim do mundo, 2.012, Apocalipse, Besta e etc. O drama passou da esfera pessoal e agora tem conotação mundial. Desde que me entendo por gente há gente falando que Jesus vai voltar e que você tem que aceitar Jesus para “ser salvo”. Vivendo em um país cristão é fácil para todos visualizarem isso mas em todas as outras religiões, sejam monoteístas ou panteístas, a figura do “fim” está sempre presente. A serpente de ouroboros que morde a própria cauda mostra isso.

A idéia de lutar contra um mal maior, de perseverar, de não sucumbir faz o homem dar um sentido maior a própria vida. Pensar que é um “salvo” entre outras milhões de pessoas dá conforto. Por mais que queiram, desejem, clamem pelo fim todo mundo quer ser salvo. Uns pedem para Jesus, outros para os mais diversos deuses e profetas conforme cada religião e agora alguns estão até esperando a salvação por extraterrestres. Crêem piamente que existe uma “política” cósmica onde seres de outras civilizações mais desenvolvidas têm como único objetivo de existência ajudar na salvação da humanidade. Novamente, o homem se coloca como ponto gravitacional de tudo onde se agora sabe que não é o centro da galáxia e que o Sol não gira em torno de seu planetinha resolveram achar que todas as civilizações extraterrestres estão aí para salvá-los (como se alguém pudesse se salvar de si mesmo).

Daí surge a turminha da canalizações, os “contactados”, os abduzidos que formando os mais diversos grupos sempre têm o mesmo ponto em comum: extraterrestres querendo ajudar e salvar a humanidade. Não raro é notícia de gente que se diz contactado e que recebeu uma “mensagem” dizendo que dia tal e hora tal virá uma frota de naves espaciais para se apresentar à Terra e mostrar “o caminho da salvação”. Alguns até romantizam a cena. Chega 21 de dezembro de 2.012, bem aos 45 do 2.º tempo, o céu está todo encoberto, raios e trovões dão o tom da cena, nuvens negras pairando, o Sol não brilha mais no Corinthians (nunca brilhou), a humanidade toda unida dando as mãos, todos rezando, orando, pedindo perdão, confessando pecados, então, do nada, aparece uma luz no céu, uma luz gigantesca, abrem-se as cortinas do grande espaço e gigantescas naves ao som de Chariots Of Fire descem e levam toda a humanidade, 1 segundo antes do exato momento em que o tsunami gigante de 1.000 km cai sobre a Terra e acaba com tudo.

Estas civilizações mais evoluídas, que obrigação elas têm para conosco? Existe alguma lei cósmica ou um tratado interplanetário que obrigue que seres de outros planetas não tenham vida própria e tenham como único propósito de existência nos ajudar? É coerente pensar que a Terra seja a “queridinha” de Deus e que todos queiram o tempo todo nos salvar? Por que eles têm que nos ajudar? São obrigados? Se sim, por quem? Ou será que a humanidade está mais uma vez mendigando por ajuda exterior? Será que não existem ferramentas disponíveis aqui mesmo para consertar as cagadas que o homem vem fazendo? Será que no Universo é sempre assim? Quando um planeta dá errado todo mundo entra em pânico, daí surge uma civilização superior e salva uns mais bonitinhos e bem vestidos? Ou será que Deus é o mesmo aqui e em todo o plano de existência e as leis cósmicas são as mesmas para todos e a humanidade terá que passar por tudo aquilo que todos os outros também passaram?

Da mesma forma que aqui as pessoas se esforçam, passam por lutas e desafios para construir uma casa, uma família, um negócio as civilizações mais evoluídas também passaram por lutas e desafios para evoluírem. Às mesmas leis a que a humanidade está sujeita eles também estiveram. Uma pessoa que trabalha arduamente, constrói uma família estruturada e uma casa, ao passar na rua e ver um mendigo é obrigado a recolhê-lo e levar ao seu lar? Por que achar que seres de outro planeta têm que vir aqui e salvar a humanidade?

As mesmas pessoas que estão estragando este planeta, que não sabem viver civilizadamente, que são dominadas por coisas pequenas, caso fossem levadas a um outro planeta iriam se transformar em boas pessoas sem mais nem menos? Os defeitos iriam sumir como em um passe de mágica? Civilizações mais evoluídas certamente têm ciência de leis naturais e sabem que a mesma ação produz a mesma reação; sabem que se levassem humanos involuídos para seus planetas eles dariam causas aos mesmos problemas que geraram aqui. A humanidade, atrasada que é, não está pronta para viver em um planeta mais evoluído e além de não merecer iriam estragá-lo.

Mesma coisa que acontece aqui. Muita gente quer migrar para os Estados Unidos, mas, será que a solução está no lugar ou dentro da pessoa? O falso no Brasil deixa de ser falso nos EUA? O mentiroso, o hipócrita, o desleal, o traidor, o covarde, o dissimulador, chegando em outro país mais desenvolvido simplesmente se torna outra pessoa? O nível de evolução é imensuravelmente superior. Seria como de manhã pegar uma criança de pré-escola pública municipal brasileira e à tarde levá-la para iniciar um PhD em astrofísica em Harvard. Isto é ilógico e irracional, coisa que somente uma civilização atrasada como a da Terra pode conceber.

Este negócio de ficar clamando por ajuda, achando que Jesus vai voltar pra salvar uns e que civilizações extraterrestres não têm nada mais pra fazer do que ficar ajudando o homem é feio demais. Existem seres mais evoluídos desejando ajudar sim e desde tempos imemoriais a humanidade tem recebido ajuda em todas as épocas, em todos os cantos, de seres mais evoluídos que dão uma luz para estas trevas de ignorância e atraso em que a Terra se encontra, mas não existe uma agenda cósmica que faça todas as outras civilizações olharem só para a humanidade. Se o homem tem escolhido há milênios não evoluir deve estar preparado para aceitar os efeitos desta estagnação e se continuar esperando ajuda exterior vai continuar sendo mendigo cósmico sempre chorando e se fazendo de coitadinho. Já passou da hora da humanidade colher o que plantou e de receber os efeitos de ter escolhido não evoluir apesar de toda a ajuda que recebeu e tem recebido. A lei cósmica sempre se cumpre e não existe ninguém acima da lei.

 

 


 

. Para se inscrever para receber por e-mail informações sobre novas publicações neste site basta inserir o endereço de e-mail no campo que se encontra logo acima do botão “Inscrever-se” que se encontra no canto esquerdo da tela deste site logo abaixo de minha foto e seguir as instruções.

.. Contato: https://rudyrafael.wordpress.com/contato/

∴ Para ver outras publicações relacionadas ao tema consulte o etiquetado logo abaixo.

 

Posted in: Rudy Rafael