O nauseabundo nível atual dos membros de ordens iniciáticas

Posted on 22 de janeiro de 2011

11


 

O nauseabundo atual nível dos membros de ordens iniciáticas pode causar certa surpresa aos membros que conheceram por vivência os antigos ciclos destas ordens. Ordens esotéricas que outrora escolhiam os preparados e os preparavam hoje apenas dão uma melhorada nos impreparáveis, pessoas que não preparadas para entrar nestas ordens e que não têm como serem preparadas pelo seu nível atrasado de evolução cujo máximo que conseguirão é serem melhoradas, já que como os outros membros, que fizeram parte destas ordens quando o funil existia e fariam atualmente se ainda existisse, nunca serão. Aceitar qualquer um é a atual política que está por trás de todas as ordens iniciáticas com raiz e que conjuntamente prestam serviço à Grande Fraternidade Branca e consequentemente a todo o planeta Terra. Não fosse esta atual orientação, há pessoas que jamais fariam partes destas ordens, pois não preenchem hoje os requisitos que anteriormente eram necessários para ingressar no meio.

Os ciclos antigos norteavam-se pela qualidade do estudante. Era a aptidão ao ensinamento que fazia o candidato ser escolhido, naturalmente uma parcela ínfima da população. Hoje deixou-se a busca pela qualidade e os olhos foram voltados para a quantidade. Para as ordens quanto mais membros melhor, independente de sua capacidade. Antes o estudante era preparado para conhecer e dominar todos os mistérios e era um Iniciado com todas as potencialidades do termo desenvolvidas. Hoje os membros não precisam ter qualquer tipo de resultado prático, não precisam desenvolver quaisquer capacidades e não precisam ter qualquer nível de evolução. Basta que queiram entrar. Antes o desejo era testado em sua sinceridade. Hoje qualquer um pode fazer parte desde que pague as mensalidades. Hoje, se a pessoa entra na ordem pelo desejo do seu coração ou para mostrar aos outros que é diferente ou curtir um barato diferente não importa.

Antes, a teoria vinha acompanhada da prática e o estudante era um cientista que investigava e experimentava. Era chamado de “buscador” porque buscava a Verdade com as ferramentas místicas que havia recebido da escola que fazia parte. Conseguia buscar a Verdade porque conseguia usar as ferramentas pelo seu próprio desenvolvimento. Hoje, os estudantes pela sua incapacidade não têm sucesso em experimento algum, sua vida prática espiritual é nula e por não conseguirem utilizar as ferramentas que lhes deram não conseguem buscar verdade alguma e assim fazem de sua verdade tão e somente aquilo que seus sentidos físicos lhes mostram, por mais que teoricamente tenham aprendido desde cedo sobre as limitações do consciente, e aquilo em que acreditam. Um membro de ordem iniciática considerar que a verdade é tão e somente o que crê, só hoje em dia mesmo. Nos antigos ciclos o membro comprovava, no atual, o membro acredita, pois é incapaz de comprovar.

Coisas como “isto não existe porque eu não acredito”, “isto não existe porque eu não vi”, “isto não existe porque a ordem que eu faço parte não disse que existe”, “isto não existe porque a ordem que eu faço parte disse que não existe” e “isto não existe porque nenhum autor que eu considero disse que existe” são apenas alguns reflexos do deficiente nível atual dos membros de escolas esotéricas e que vivem como religiosos presos em dogmas e aceitando a verdade que lhes é imposta pelos sentidos físicos ou pelas instituições que fazem parte. O evangélico diz que reencarnação não existe porque não está na bíblia e porque o pastor disse que não existe e o membro de escola iniciática diz que determinada coisa não existe porque não está no seu material de estudo e porque o autor que considera disse que não existe. Há quem possa aludir um caráter religioso às instituições iniciáticas, mas não é o caso, já que por sua própria raiz estas ordens prestam-se a outro serviço, o alquímico e que vai naturalmente de encontro à esta conjectura. Não são as ordens que se vendem como religião, são os membros desqualificados que as recebem assim.

O incapaz de realizar uma projeção astral, não conseguindo comprovar o que há em astral negará aquilo que ouve outros dizerem de lá. O incapaz de voltar no tempo com sua consciência e comprovar suas vidas passadas negará aquilo que os outros falam sobre isso. O incapaz de acessar os registros akáshicos negará o que os que conseguem dizem. Quem não tem o terceiro olho aberto negará o que os que têm vêem. Estes membros atuais, que entraram pela falta de funil, pelo seu atraso espiritual e incapacidade não conseguem utilizar as ferramentas que receberam e assim não conseguem utilizar os sentidos superiores e por isso estão cegos às verdades superiores, as quais por não verem negam a existência. As escolas iniciáticas hoje são formadas por pessoas assim, desqualificadas e incapazes. Por isso hoje há tantos membros das escolas iniciáticas empacados e sem resultados práticos, psiquicamente debilitados e de onde tornou-se praxe ouvir que nunca conseguiram qualquer resultado prático em qualquer coisa.

Pela presença de tantos membros incapazes e sem qualquer preparo é que as ordens passaram a nivelar tudo por baixo. Há a necessidade de passar o conhecimento de forma que todos possam compreender. Quem está em cima compreende o que está embaixo, mas quem está embaixo não compreende o que está em cima. Por isso algumas pessoas que querem conhecimentos avançados passam a buscar em outros lugares já que determinados ensinamentos, que já deveriam ter sido aprendidos há milênios, ainda começam a fundar suas primeiras bases nestas pessoas que são instruídas agora pelas ordens e que nelas entraram pela falta do funil. Apesar da abertura para que qualquer um entre, boas sementes não germinam em solos inférteis. Não adianta nada o grande conhecimento das grandes ordens para membros incapazes de receberem e desenvolverem o que aprendem. Entretanto, há atualmente um propósito maior a ser cumprido pelas ordens iniciáticas e que as fizeram abrir para qualquer um que quisesse entrar.

A política do foco na quantidade de membros ao invés da qualidade nas escolas iniciáticas é atual e necessária. É preciso que qualquer um, literalmente, capaz ou incapaz, possa ter acesso aos ensinamentos destas fontes. O planeta está passando por uma transição elevando-se vibratoriamente e é preciso que as pessoas que na Terra habitam também se elevem a ponto de acompanhar e ajudar por sua própria elevação a elevação vibratória do planeta. As escolas iniciáticas estão cumprindo a sua função nisto na medida em que aceitam qualquer um em seu meio, pois é melhor para o planeta que haja milhões com conhecimento de premissas espirituais básicas como a liberdade, igualdade, fraternidade, conexão, mantras, reencarnação e karma do que poucos que saibam dos grandes mistérios. No atual estágio de evolução da humanidade é melhor que muitos tenham um conhecimento irrisório do que poucos tenham tudo.

No atual cenário da eminente transição planetária da Terra e que resulta na necessidade urgente e global de evolução mínima das massas através da elevação vibratória, as escolas iniciáticas estão cumprindo o seu papel junto à Grande Fraternidade Branca ao aceitarem qualquer um em seu meio e lhes instruírem com ensinamentos mínimos. Analfabetos funcionais, pessoas que sabem ler mas não sabem interpretar o que lêem, pessoas atrasadas espiritualmente, sem qualquer aptidão ou predisposição ao caminho iniciático, agora têm espaço entre os Iniciados, aqueles que já fizeram parte destas ordens e fariam atualmente se existisse o funil. Estas pessoas agora podem começar a conhecer e assimilar conceitos místicos pré-históricos e que lhes farão entrar em consonância à freqüência mínima do novo padrão vibratório que o planeta Terra irá atingir brevemente. E é tão e somente pela necessidade urgente de elevação da vibração do planeta que as ordens iniciáticas se abriram para todo tipo de cidadão, pois, do contrário, estas pessoas que entraram por isso jamais fariam parte.

 


 

. Para se inscrever para receber por e-mail informações sobre novas publicações neste site basta inserir o endereço de e-mail no campo que se encontra logo acima do botão “Inscrever-se” que se encontra no canto esquerdo da tela deste site logo abaixo de minha foto e seguir as instruções.

.. Contato: https://rudyrafael.wordpress.com/contato/

∴ Para ver outras publicações relacionadas ao tema consulte o etiquetado logo abaixo.

 

Posted in: Rudy Rafael