Nenhuma relação resiste ao Amor de vidas passadas

As pessoas que amam, e realmente amam, não conseguem entender como alguém que amam, e pela qual expressam positivamente este Amor o tempo todo, às preterem em prol de outra pessoa que mal conhecem e que até mesmo lhe traz aparentes sofrimentos. Relacionamentos duradouros, de anos, décadas, com planos estipulados, sonhos em comum, família estruturada, filhos e vida financeira estável em um segundo terminam porque uma terceira pessoa apareceu na vida do casal. Toda aquela segurança, estabilidade e tranquilidade que fazia parecer que tudo duraria para sempre em um segundo cai por terra. Todo o Amor que o casal tinha não teve forças para resistir à entrada da outra pessoa em sua vida e o terreno para o negativo está feito.

A maior força que existe é o Amor. É a maior porque é invencível e irresistível. Nada pode contra e ninguém pode resistir ao Amor. É o último grau da evolução, é onde Deus está, é o que Deus é e não é possível ir contra isto. A força do Amor é incompreendida pela humanidade, assim como todas as outras leis cósmicas, por isso os homens sofrem. O Amor entre duas pessoas, que era para ser algo bom, vem destruindo vidas e causando estragos imensuráveis. Almas estão se corrompendo, vidas sendo desperdiçadas, sentimentos escuros sendo cultivados e uma infinidade de negatividades são os resultados da ignorância sobre o Amor e a sua força. É pela ignorância das pessoas que isto existe, ainda mais quando não se reconhece e não se respeita a força deste Amor.

A forma como os relacionamentos são criados pelas pessoas faz com que as uniões sejam fracas. A qualquer momento duas almas podem se reencontrar e reviver a força de um Amor que às une e nada poderá ser feito. Não existe beleza física, riqueza e estabilidade material, família, filhos, moral, costumes ou lei que possa separar o Amor de duas almas. Almas que viveram vidas na riqueza e na pobreza, na saúde e na doença, nascimentos e mortes e que possuem uma atração de alma, que atração física alguma chega perto e que pensamento, lógica ou razão alguma pode compreender. Trata-se da afinidade de almas que transpassaram eras juntas, com a mesma missão e que Deus parece ter feito na mesma fornada. O Amor de vidas passadas é irresistível e ninguém pode contra isto.

As relações amorosas entre as pessoas são fundadas em nada; se relacionam porque se acham bonitas, porque lhes é conveniente emocional ou financeiramente, porque gostam de ir aos mesmos lugares, porque ouvem a mesma música ou porque leem os mesmos autores. Nada disso é da alma, tudo é da matéria. O “tipo” de pessoa é da matéria, não da alma. Relacionamentos fundados nisto acabam facilmente com qualquer sopro de reencontro de vidas passadas. Quem quiser que seu relacionamento tenha força o suficiente para resistir à mínima fumaça de um reencontro de vidas passadas não pode nem pensar em ter um relacionamento vazio como estes e quem vive algo assim pode ir dormir todo dia sabendo que poderá perder a pessoa amada no outro dia.

O Amor é devastador, quando vem nada sobra. Não há força maior que o Amor. Uma pessoa pode amar a outra como for, pode ter com ela a família mais perfeita do mundo, com uma bela casa, um bom carro, filhos saudáveis, perfeitos e inteligentes, uma vida financeira e amorosa completamente estável, mas se em um segundo a outra pessoa estiver na fila do caixa da padaria da rua e encontrar um Amor de vidas passadas e as almas se reconhecerem, acabou e não há o que fazer. Não há moral, lei, costume ou dogma que possa separar estas duas almas e é preciso compreender isto. Entender que nada é pra sempre, que o importante é viver cada momento e que quando acabar a única obrigação é consigo, com sua própria consciência, de poder dizer a si que fez a sua parte enquanto durou.

Importa a cada um saber que enquanto a relação durou fez a sua parte; foi fiel, leal, sincero, honesto e deu o seu melhor para a unidade do casal. Deve-se entender que cada um tem um limite de ação, que existe o livre arbítrio e que se trata da força do Amor que veio de tempos anteriores, não apenas de uma mera atração passageira. Nada é por acaso. Não é por acaso que alguém escolhe, abandona ou troca uma pessoa, ainda mais quando à vista da moral humana tudo está perfeito. A pessoa não pode deixar surgir sentimentos negativos contra o mundo, contra os outros e contra si; devendo compreender que este encontro de almas existe pela força que é a maior força que existe. Pregar o Amor quando não se entende que um casal escolheu ficar junto em razão dele é burrice ou hipocrisia.

Casais são formados em todas as vidas, o sentido criador da vida age também nos relacionamentos. Alguns casais se reencontram e outros se formam. Não existe predestinação, existe predisposição. O Amor torna duas almas predispostas a se unir e não é difícil compreender que a força que une um casal que se conheceu na atual vida e que se uniu por motivos que não envolvem a alma é menor que a força do Amor que uniu duas almas em várias vidas passadas em razão da alma e que às une novamente. Ir contra isto é tolice. Ir contra o Amor é tolice e é caminho para o sofrimento. O Amor deve ser aceito, no tempo e na forma que vier. Não importa se está em questão um relacionamento de 350 anos, se há 400 filhos em comum ou se a outra pessoa não trai nem em pensamento.

Não existe desculpa racional que possa justificar a manutenção de um relacionamento onde alguém reencontrou um Amor de vidas passadas. A única força que deve fazer duas pessoas ficar juntas é o Amor, qualquer outra força age no sentido contrário e ao invés de juntar, efetivamente separa. A separação em essência já ocorreu e quando a força do Amor vier, nada sobrará. O tempo adquirido de uma relação, filhos, finanças, comodidade ou conveniência não podem ser utilizados para manter uma relação, só o Amor. A vida é instável, tudo muda o tempo todo e com os relacionamentos amorosos não é diferente. A relação deve existir somente enquanto existir o Amor. Viver uma relação sem Amor ou sentindo um Amor maior por outra pessoa é viver uma mentira.

Não adianta manter à força uma pessoa que reencontrou um Amor de vidas passadas e que se sente inexplicavelmente ligada e atraída por esta pessoa. Mesmo que a pessoa mantenha-se fiel fisicamente, à noite estas duas almas se encontrarão, mesmo que os dois estejam inconscientes e não saibam disto. As duas almas se encontrarão e farão tudo aquilo que não podem fazer no plano material. A pessoa que mantém outra pessoa à força sabendo que o desejo dela é estar com outra pessoa deve saber que quando se trata de Amor verdadeiro, quando esta pessoa dorme a alma dela encontra a da pessoa amada. É o Amor, é mais forte que elas e não existe juízo sobre isto. Se relacionar por conveniência ou atração física é o que os animais fazem e o homem deveria ser um pouco mais que um animal.

Para quem tem consciência do que é viver um Amor de vidas passadas bem sabe a força e o poder que tem esta relação. Somente quando duas almas se reencontram é que existe tão e somente o momento; não existe a carga do passado e o medo do futuro, apenas o momento. Troca-se uma vida por uma noite, sem arrepender-se e com a certeza de que tudo valeu à pena. As percepções são únicas e não há mais nada igual. Dependendo do grau de conexão entre as almas e seus respectivos desenvolvimentos é possível a telepatia plena, onde um pode ver em sua mente o que o outro vê e ambos podem ver juntos os momentos que tiveram em vidas passadas. A conexão das almas é feita entre todos os chakras, o desejo de conexão vai literalmente dos pés à cabeça e as duas almas evoluem juntas.

As pessoas criam relacionamentos porque a outra pessoa faz o mesmo curso acadêmico, gosta da mesma banda, tem o mesmo estilo de se vestir, não lhe trai, com ela não precisa se preocupar em ser traído ou se preocupar com dinheiro, faz parte do mesmo grupo, tem algo atraente fisicamente, tem a mesma noitada, a outra pessoa chama a atenção e lhe serve como troféu, se dão bem na cama ou para não ficar sozinhas. Criam relações vazias e sem sentido, sem envolvimento algum de alma, e depois reclamam quando tudo termina sem sentido. É óbvio que uma relação sem sentido vai terminar sem sentido. Estes relacionamentos são nada para o Amor de vidas passadas. O Amor verdadeiro, de vidas passadas, entra na vida de um casal destes e destrói tudo, não sobrando qualquer coisa.

Quem vive uma relação fundada na matéria merece e precisa perder a pessoa que diz amar para aprender o que é o Amor e a sua força e assim um dia criar uma relação verdadeira, de alma, algo que sobreviva após a morte. Se as pessoas querem viver relações efêmeras baseadas no que é da matéria que paguem o preço da efemeridade da matéria, mas que saibam que o universo não se limita às suas limitações e que existe uma grande consciência universal em expansão e evolução que não vai deixar de viver o que é belo em razão de suas limitações. É uma das graças da espiritualidade, o quanto ela pode sem força alguma destruir a forma tacanha de viver, pensar e sentir da humanidade. É lindo o Amor de vidas passadas que vem e destrói as relações vazias e sem sentido. O mundo precisa de mais verdade.

 


 

. Para se inscrever para receber por e-mail informações sobre novas publicações neste site basta inserir o endereço de e-mail no campo que se encontra logo acima do botão “Inscrever-se” que se encontra no canto esquerdo da tela deste site logo abaixo de minha foto, clicar em tal botão e seguir as instruções seguintes.

.. Contato: https://rudyrafael.wordpress.com/contato/

∴ Para ver outras publicações relacionadas ao tema consulte o etiquetado logo abaixo.

112 comentários sobre “Nenhuma relação resiste ao Amor de vidas passadas

  1. dandararaisa disse:

    Rudy incrível texto! Eu reconheci meu amor de outra vida….Você acredita que amor de outra vida pode acabar por que talvez essas duas almas não estejam evoluindo juntas ?

    Curtir

  2. Suely disse:

    Noooossssssaaa! Que texto maravilhoso! As palavras se encaixam perfeitamente na minha vida! Tinha um Amor de séculos passados que reencontrei há alguns meses atrás e acabei com um casamento de 42 anos e sete filhos adultos com o ex.(agora ex).

    Curtido por 1 pessoa

  3. graça disse:

    tive um deste, ele era casado se conhecemos e se apaixonamos no primeiro dia, construimos nossa casa, fomos morar juntos e fomos felizes durante 20 anos até que Deus o levou com 56 anos. Faz um ano mas continuo amando-o e sei que um dia vamos se encontrar de novo. Sempre achamos que já nos conhecíamos, gostamos das mesmas coisas , eramos iguais em tudo era como se eu fosse a mão e ele a luva. As vezes consigo até sentir o cheiro dele. No meu coração não existe mais espaço para ninguém.

    Curtido por 1 pessoa

      1. Raquel disse:

        Encontrei o meu amor de vida de alma é incrível, é um amor recíproco,não podemos viver isto pois é contra as leis da natureza,mas não me importo pois o amor é isso é liberdade…quero que meu amor seja feliz independente de ser comigo ou outra pessoa..

        Curtir

  4. Monica Teles disse:

    Lindo texto…acho q estou vivendo algo parecido…ligação forte por uma pessoa q nunca vi pessoalmente.Sonhei com esta pessoa um ano antes de conheçer…qdo nos conheçemos em pouco tempo existiu uma cumplicidade e sintonia total.Somos identicos em qse td…ate as fases ruins da vida…ambos tiveram da mesma forma…tenho qse certeza de q isso vem de longa data,com certeza de outras vidas…pena q ele,por motivos de religião,não veja isso.Lamento pq realmente me deixei envolver completamente e sei q ele tambem…Pensem em uma pessoa q so com o som da voz consegue me deixar mas calma…isso é o minimo…não posso detalhar aqui os fatos,e nunca vivi algo assim,e meu medo é que ele deixe isso escapar de nossas vidas…so Deus podera nos auxiliar…Desculpem o desabafo…sou uma pessoa bem endureçida pela vida mas esse alguem q conheçi …conseguiu ate fazer aflorar dentro de mim minha sensibilidade,quebrando barreira que foram postas no decorrer do trajeto de minha vida
    Ele esta se afastando…lamentavel…mas tenho q respeitar,não posso forçar ele a nada,ja que em nada disso ele cre…mas ele sente e ja me disse…q muitas coisas q falamos,no fundo ele sente q ja haviamos dito isto em uma outra ocasiao…esta entregue na mão de Deus …q se cumpra nosso destino

    Curtido por 1 pessoa

  5. helena disse:

    Eu tive esse amor durante 11 anos,não viviamos juntos porque eramos casados.mas,a força que eu tirava do seu olhar era o que me fazia aguentar todos problemas da minha vida.eramos o ponto de equilibrio do nossos casamentos.ele ja desencarnou e agora vivo perdida sem vontade de viver,já não tenho mais aquele olhar que me fortalecia,seus beijos,sorrisos abraços…..como doí.

    Curtido por 1 pessoa

  6. Danielle disse:

    Já vivir esta experiÊncia.Conhecir um rapaz que já tinha visto antes em sonho aí quase um
    ano depois o vir pessoalmente.É um pouco estranho no primeiro momento pois parecia que ele lia meus pensamentos e eu os dele sem dizer uma palavra se quer.Cheguei a abraça-lo
    3 vezes seguidas e em todas as vezes eu não tinha vontade de solta-lo e pelo jeito nem ele era como se tive-se um imã que nos liga-se apesar do pouco tempo de tentar conhece-lo não rolou nada serio pois na epoca ele tinha namorada e achei melhor ficar na minha.r

    Curtir

  7. ECILDA SARAIVA disse:

    QUERO DISSER A VCS QUE EU SOU A PROVA VIVA DEQ VIVO ESSE AMOR DE ALMA GEMEAS ,DE VIDAS PASSADAS ,POIS DEIXEI UM CASAMENTO DE 26 ANOS ESTABILIZADO EM FAMILIA .É BEM ASSIM MESMO QUANDO ELE CHEGA NÃO TEM COMO NÃO VIVER ESSE AMOR ELE É SIBLIME E VERDADEIRO AGENTE SE ENTENDE ATÉ COM O OLHAR TEMOS AFINIDADES ,CUMPLICIDADES E INTERAGIMOS DA MESMA FORMA . CASAMOS E SOMOS FELIZES.AGORA POSSO DISER QUE A MINHA VIDA TA COMPLETA POIS AMO E SOU AMADA COM A MESMA INTENCIDADE .UM ABRAÇO

    Curtido por 1 pessoa

  8. Patricia disse:

    gostei do texto, acredito em amor de almas pq já tive provas q existe!!! mas hoje eu não estou mais preocupada em ter alguém, já sofrir muito com relação a isso, hj so qro paz, se eu tiver q viver um amor desse q venha, senão, tanto faz, qro mesmo é me amar.

    Curtir

  9. Mikael Ian disse:

    Animal. Parabéns pelo texto…seria bom se o mundo vivesse em prol desse amor…quem sabe minha alma gêmea já teria me encontrado ou eu e ela. Mas penso que é apenas uma questão de preparação, ambas as almas precisam estar no mesmo nível de evolução e preparadas para receber uma a outra de volta, exatamente por terem um dia, ou em outra vida, se separado por alguma razão. Adorei o que li. Abraços.

    Curtir

  10. Naza disse:

    Eu vivi esse encontro que foi e é mágico, mesmo ele hoje já no mundo espiritual. Me vejo as vezes na procura de um novo companheiro, mas, tenho consciência que não é tão simples. Sei que posso encontrar uma nova alma simpática, mas, cabe ao que a Vida me reserva. Bjs

    Curtir

  11. Lu disse:

    Lindo texto! No meu entender, muitas pessoas se apaixonam pensam por gostar demais que a pessoa que está apaixonada é um amor de alma. Acredito que você encontra um amor de vidas passadas, você consegue antecipadamente saber que esta se aproximando, é muito forte esta sensação, e quando encontra é como se realmente já se conhecessem há muito tempo, o reconhecimento é imediato, e cada vez que você encontra a pessoa, muitas vezes não sabe nem explicar mais uma força incrível te puxa próximo a ela e um bem enorme uma paz inconfundível você sente quando estão juntos e muita troca de experiências acontece. Assim que entendo ser o encontro de almas.

    Curtir

  12. Viviane disse:

    Olá,Rudy!!!
    Não só achei lindo!!!…Concordo plenamente com vc por experiencia própria
    Eu sei o que é um encontro de alma,um amor de vidas passadas,eu o reencontrei nessa vida!!!
    Te digo que não é como uma paixão,embora seja avassalador e vem como um furacão,tira tudo do lugar para novamente se construir e acreditar que existe algo maior por trás.
    É um sentimento maior do que vc possa imaginar que exista nessa vida,só vivendo mesmo para saber,nem a distancia diminui esse amor,pq a gente sempre sabe que vamos nos reencontrar,a vida caprichosamente nos afasta hj,mas depois de 13 anos nos reencontramos,espero que Deus seja novamente generoso e nos aproxime de corpo novamente,pois estamos distantes por força maior,mas,nossas almas estão ligadas sempre!!!
    Adoro seus textos!!!
    Parabéns!!!

    Um Abraço.

    Curtir

  13. Luana disse:

    Venho buscando respostas que justifique viver este amor que encontrei e tem sido em vão. Nao sou espirita, mas tenho lido muito tentando encontrar uma justificativa que conforte meu coração cheio de culpas.
    Quando o encontrei nao era casada, mas ele sim, tentei fugir me casando com outra pessoa para nao viver em pecado mas nunca o esqueci. Um tempo depois nos reencontramos de novo e tudo reascendeu!
    Agora mais forte, mais puro, mais verdadeiro!
    Ele é espirita, eu nao, mas concordamos sobre a possibilidade de vivermos um amor de vidas passadas. Nao queremos nada um do outro! Nao queremos distruir nossos casamentos! nao queremos causar nenhum tipo de sofrimento a ninguem! temos certeza que nao estamos dividindo sentimentos, e sim somando a felicidade que temos com nossas famílias à alegria de podermos viver este amor!
    Queremos apenas a possibilidade de nao nos perdermos mais e viver este amor sem culpas!

    Sera que consigo achar esta permissão em algum lugar?

    Curtir

  14. Tathy disse:

    Adorei o texto… e de um modo meio torto, acho que eu ja conheci meu amor de vidas passadas…
    Resumindo: a gente se conheceu… e se detestou… mas de repente, foi como se algo muito mais forte e avassalador tomasse conta de mim… e dele tb…
    A gente ficou e ja começou a namorar… não nos desgrudávamos… juntos a gente era perfeito…
    Mass nem tudo foram flores… depois de 3 anos… por bobeira a gente teve uma briga feia… que se agravou pelo fato de ambos estarem completamente alcolizados…
    Nos desentendemos… no separamos e nos afastamos… sofri horrores…. achei que meu mundo fosse desabar… 3 meses depois ele voltou a me procurar… disse que sentia minha falta… passou a agir da mesma forma de quando estávamos juntos… mas, todas as vezes que eu achava que as coisas iriam finalmente voltar as ser como era… ele era grosseiro e se afastava… até que, ele arrumou outra e qdo eu fiquei sabendo… foi a minha vez de sumir…
    Dois mese depois ele tentou se aproximar e eu não deixei… ele ligava, mandava msg, email… e eu nada… Mas, somando a insistência dele com saudade que eu tava sentindo… dias ante de completar 7 meses que a gente não se via… cedi a tentação e permiti que ele se aproximasse…
    Tem um mês que ele meio que voltou pra minha vida…. meio, pq não consigo entender qual que é a dele… pois ele se aproximou om a idéia de sermos amigos… aí… me liga, manda msg e aparece em casa todos os dias… só que nesse um mês a gente ficou junto duas vezes… e nas duas vezes que isso aconteceu ele sumiu por uns 3 dias… tipo, a gente ficou no dia 10 de junho… aí ele sumiu e só voltou a dar o ar da graça no dia 14 de junho… e como se nada tivesse acontecido… aí, sexta – dia 28 a gente ficou de novo… e adivinhem?! pois é…
    Não consigo entender o que acontece… não consigo entender pq ele me procura… e nem pq age dessa forma… sinto que ele gosta de mim…. sei que ele sabe o quanto eu gosto dele… mas, ele dá a entender que tem medo de voltar a assumir algo sério comigo… e é isso que não entendo!!
    Durante os 3 anos que ficamos juntos… fui a pessoa mais feliz deste mundo… e sei que ele tb foi… me arrependo amargamente com a briga que tivemos… mas aconteceu e não tem como chorar sobre o leite derramado… Se fosse pra gente terminar e nunca mis voltar, juro que entenderia… mas parece que tem algo superior que nos aproxima… que nos atrai… e por isso sinto que ele é sim o meu amor de vidas passadas…. só que ele tenta fugir disso, alegando ter medo… e eu não consigo entender o porquê….

    Curtir

  15. me disse:

    Gostei dessa matéria é bem interessante , mais é bem isso mesmo e nada é por acaso . Acredito que cada pessoa tem o seu parzinho(a) , independente quantos anos vai encontrar . Tem algumas que encontrão cedo e não ficam juntas . E mais tarde acabam se reencontrando e ficando juntas se for solteiros ainda . E por ai vai ….

    Curtir

  16. Tereza disse:

    Eu encontrei um amor de vidas passadas, mas ele não tem coragem de se aproximar de mim no plano físico…nos encontramos no astral e nos amamos muito…mas devido tbm ao meu ajuste karmico com meu marido ainda não ter terminado, não podemos estar juntos fisicamente! É uma grande dor!

    Curtir

  17. Sônia Maria de Oliveira disse:

    Não é bem uma resposta, mas sim, uma pergunta: se um dos dois consegue entender que tem de se afastar para que o outro evolua mais, que o outro cumpra a sua programação de vida (que NÃO é com ele), o que acontece? Essa relação se rompe? Ou os dois saem mais fortalecidos depois desta vida?

    Curtir

  18. rbueo disse:

    Mais um ótimo texto!

    Pena que apenas uma parte muito ínfima dos humanos têm essa visão. Ou, ao menos, quer ter.

    Mesmo tendo essa visão, é muito difícil ter certeza de que se tem um relacionamento desse tipo..

    Curtir

  19. Elaine de Moura Silva disse:

    eu encontrei meu amor de vidas passadas,foi louco pq eu o vi a primeira vez de longe e achei interessante mais foi só isso,anos depois eu vi aquele homem de novo e criei coragem pra me aproximar dele,e a partir dai descobrimos que era de outra vida pois fizemos regressão..resumindo durou 9 anos de namoro escondido mais muito intenso e verdadeiro,tivemos uma filha fomos morar juntos e durou apenas 4 meses.. nos separamos ele ficou com a menina e até hj penso nele com muito amor estou casada com outro tenho outros filhos,mais o meu amor por ele ninguém substitue..será pra sempre!!! até a próxima vida quem sabe!!!!

    Curtir

  20. Antonio Marco de Barros disse:

    Com certeza um dia já passamos por aqui nesse mundo e com certeza alguém já fez parte de nós, hoje sem bem disso pois estou vivendo isso por mais que eu não queira e não possa mas uma força inexplicável me coloca diante dessa pessoa e por isso busquei respostas nos pensamentos do médium Chico Xavier e pode ter certeza agora compreendo.

    Curtir

  21. Wal disse:

    Rudy, penso que apesar de ser muito bom encontrar um amor assim (ou reencontrar…), o amor desse naipe por uma só pessoa, é ilusão. O amor é mais. Concordo com o Luiz Eduardo (post de 14 de agosto).

    Curtir

  22. Nadir de lourdes Feijó Batista disse:

    Olá,em primeiro lugar agradeço muito a vc por ter postado esse artigo.Eu estava exatamente procurando algo assim para explicar o que tem me acontecido de umas semanas para cá.Acredito que a lei da reencarnação é um presente de Deus para nós retornarmos não só para saldar dividas mas também reencontrarmos nossos amores de vidas passadas.Muita paz para vc .Obrigado

    Curtir

    1. jeane oliveira disse:

      Realmente isso é lindo,mas a maioria das pessoas estão muito mais ligadas aos bens materiais e vivendo de aparências e não param pra viver o verdadeiro sentido da vida”o amor verdadeiro sobreviver a tudo”,é bom sentir e viver um amor assim,um amor de almas!!!

      Curtir

  23. Catarina disse:

    Nao sei o que pode ser, mas apesar de fz uns dois anos q terminamos meu ex namorado insiste no nosso amor, um amor q talvez nao.se realize tao cedo devido ele sta morando com outra mulher. Ele diz q me ama mt, apesar de.eu dizer p ele desistir, ele diz q nao importa a situacao q sta vivendo com outra pessoa e eles tem uma filha q eh.deficiente, isso pesa mt p ele se separar e eu tb sinto mt culpa qd.penso nisso.

    Curtir

  24. renata barbiero disse:

    Na verdd kero deixar uma pergunta: existe apossibilidade de eu ter encontrado então 2 almas gemeas, e uma ser negativa? Pq eu achava q já havia sentido td o q uma pessoa pode sentir, com uma conexão incrível, mas agora, é mais do que isso, eu mesma não me reconheço e tomo atitudes tão distantes q eu kero para respeitar o outro, e eu me vejo tão absurdamente adulta, então já não se o q é isso.
    Grata, Renata Barbiero.

    Curtir

  25. Melissa disse:

    Lindo Texto! Tenho 36 anos e encontrei meu amor de vidas passadas quando tinha 16 anos. Apesar de adolescente e sem maturidade sabia que aquele seria o amor da minha vida, o homem que eu nunca esqueceria, me entreguei a ele de corpo e alma e nunca me arrependi disto. Ele morava ( e mora) na cidade da minha familia, bem longe de onde moro. Era meu primeiro e único amor, nos encontrávamos nas ferias e isto durou 3 anos. Por motivos que eu nao sei explicar nos separamos, mas nunca o esqueci e sempre torci para sua felicidade. Hoje 20 anos depois nos reencontramos, na mesma cidade em que vivemos nosso primeiro amor, ambos casados, com filhos, em relacionamentos baseados na comodidade, filhos, ou seja, nunca fomos felizes. O desejo de ficar juntos e inexplicável, arrebatador, a falta que sentimos um do outro e imensa! Conversamos todos os dias por horas, parece que nunca nos separamos, tamanha e a sintonia que existe entre nos. Estou sofrendo muito porque meu marido nao merece isso, muito menos minha filha. Nao sei se ficaremos juntos, so sei que ele e o homem da minha vida, o que me completa e me faz feliz. Estou tentando deixar nas mãos de Deus, nao quero magoar ninguém, so preciso ser feliz!!!

    Curtir

  26. Luciana Nogueira Azevedo disse:

    Adorei seu texto, muito sensível e inteligente. Vejo relações “espertas” que acabam em nada e algumas relações inteligentes com a força mais pura do Universo.
    Obrigada Luciana

    Curtir

  27. Viviane disse:

    Boa noite a todos!
    Acho que o meu caso é o pior e mais estranho de todos. Conheci uma pessoa em 2004 e me apaixonei por ele instantaneamente. Peguei seu telefone com o amigo dele e liguei pela primeira vez. Nos encontramos algumas vezes e eu me apaixonei de vez. No começo nos viamos com frequencia, ele dizia que gostava de mim, porém ele desaparecia, ficava semanas sem dar noticias e as vezes eu ligava e não o encontrava. Quando conseguia falar com ele as vees marcavamos de nos encontrar e era só. Depois ele sumia novamente. Com o tempo ele foi se distanciando ainda mais e os encontros ficaram cada vez mais espaçados. A minha paixao aumentava a cada anos que passava. Um dia eu o chamei para conversar e explicar sobre o amor que sentia, ele disse que nunca me amou, que queria ser livre e que era pra eu não o procurar mais. Disse ainda que poderia ser que com o tempo ele mudasse. Eu nunca quis invadir sua vida, sempre respeitei o fato de ele querer ser livre, mas a saudade me torturava e eu sempre ligava para implorar uma migalha de seu amor. Ele vinha me encontrar, mas sempre deixava claro que não sentia nada por mim. O tempo passou, esse amor cresceu ainda mais. Ficamos um bom tempo sem se ver e se falar, nas ultimas vezes que eu falei com ele ele foi mto gentil e educado, mas me tratou com frieza. O meu amor por ele so aumentou nesses ultimos anos. Embora ele nunca me desse, eu tinha esperanças de ele mudar e se cansar da vida que vivia e um dia ficarmos juntos, já que ele me disse uma vez que poderia mudar. Pois bem, no começo de fevereiro ele foi assassinado, e com ele morreu um pedaço de mim. O mais curioso é que sonhei com ele tres dias seguidos antes de ele morrer. Embora nunca tenha tido chances com ele e ter sofrido demais esses longos anos, eu o amava demais e ainda me resta a esperança de reencontrá-lo em outras vidas. É possivel que ele seja um amor meu de outras vidas? Estou sofrendo muito com sua perda, principalmente por ter tido ele tão pouco em minha vida.

    Curtir

  28. Vera Lucia Godinho disse:

    Muito interessante , entre um homem e uma mulher que estas coisas existem (eu ja vivi isto na adolecencia). Mas o amor entre outros seres humanos como o que eu sinto pela mulher que me criou é algo que esta ultrapassando todos os limites, não consegui sentir nada que se compare pela mulher que me colocou no mundo como sinto hoje aqui a presença desta que se foi a 1 ano e meio deste mundo.

    Curtir

  29. cristina disse:

    Adorei as Palavras..no momento vivo um Amor que até entao nao coonseguia explicações pra tal. nunca nos vimos pessoalmente, nunca nos tocamos, mas o que sinto é algo que vai mais além do que amor pela carne…pelo homem…é amor de alma..ajudou-me mto a entender e a acalmar meu coração..obrigada

    Curtir

  30. veridiana disse:

    somente o amor da sentido a vida…nesta ou em outra,neste mundo o em um mundo paralelo,somente o verdeiro transede o tempo,o espaço,a vida e a morte. então ame verdadeiramente sem medo de nada…quem sabe este amor dure a eternidade.

    Curtir

  31. Jorge Antonio de Moura Silva disse:

    Gostei imensamente do tema. Ainda não havia atentado para vários itens comentados aqui. Fiquei com muitas perguntas a serem respondidas, mas, somente pessoalmente isso seria possível.

    Curtir

  32. Alexandre Borja disse:

    A Doutrina espírita sendo o Consolador prometido por Jesus, nos esclarece sobre a teoria das metades eternas no Livro dos Espíritos (LE), parte 2, capítulo 6, questão 303, item a)”… A teoria das metades eternas encerra uma simples figura representativa da união de dois Espíritos simpáticos. Trata-se de uma expressão usada até na linguagem vulgar e que se não deve tomar ao pé da letra. Não pertencem decerto a uma ordem elevada os Espíritos que a empregaram. Necessariamente, limitado sendo o campo de suas idéias, exprimiram seus pensamentos com os termos de que se teriam utilizado na vida corporal. Não se deve, pois, aceitar a idéia de que, criados um para o outro, dois Espíritos tenham, fatalmente, que se reunir um dia na eternidade, depois de haverem estado separados por tempo mais ou menos longo.”. O objetivo da reencarnação é fazer com que o espírito chegue a perfeição (LE questão 132). Obviamente, nós, ainda pequeninos em conhecimento e em moralidade, ainda estamos trilhando as sendas evolutivas para chegarmos ao grau de humanidade, isto é, retirarmos de nossos sentimentos o orgulho e o egoismo, e vivermos o AMOR em plenitude. Porém devido a grande limitação de nossa linguagem ainda temos dificuldade em entender o significado da palavra Amor, obviamente, do ponto de vista Cristão. Mas a Doutrina Espírita, no Evangelho Segundo o Espiritismo (ESE), no capítulo 11 (Amar o próximo como a si mesmo), itém 9, Fenelon nos ensina que o Amor tem 7 filhas: Caridade, humildade, paciência, devotamento, abnegação, resignação, e sacrifício. Portanto o Amor Cristão, não é apenas um sentimento, mas uma atitude! Basta rememorarmos a vinda e vida de nosso Governador Espiritual, Jesus, que viveu o AMOR em plenitude entre nós. Gostariamos, por fim, de sugerir uma leitura edificante, que é um exemplo primoroso do que seja AMOR. Sugerimos a leitura do livro “Renuncia” (Emmanuel/Chico Xavier), onde Alcíone vive de forma integral o AMOR Cristão, não se deixando levar por sentimentos inferiores de vaidade, orgulho e egoísmo, e ensinando, com exemplos, a todos nós o signifidado da palavra Amor! Que Jesus nos ilumine hoje e sempre!

    Curtir

  33. Alexandre Borja disse:

    Alexandre Granela Borja A Doutrina espírita sendo o Consolador prometido por Jesus, nos esclarece sobre a teoria das metades eternas no Livro dos Espíritos (LE), parte 2, capítulo 6, questão 303, item a)”… A teoria das metades eternas encerra uma simples figura representativa da união de dois Espíritos simpáticos. Trata-se de uma expressão usada até na linguagem vulgar e que se não deve tomar ao pé da letra. Não pertencem decerto a uma ordem elevada os Espíritos que a empregaram. Necessariamente, limitado sendo o campo de suas idéias, exprimiram seus pensamentos com os termos de que se teriam utilizado na vida corporal. Não se deve, pois, aceitar a idéia de que, criados um para o outro, dois Espíritos tenham, fatalmente, que se reunir um dia na eternidade, depois de haverem estado separados por tempo mais ou menos longo.”. O objetivo da reencarnação é fazer com que o espírito chegue a perfeição (LE questão 132). Obviamente, nós, ainda pequeninos em conhecimento e em moralidade, ainda estamos trilhando as sendas evolutivas para chegarmos ao grau de humanidade, isto é, retirarmos de nossos sentimentos o orgulho e o egoismo, e vivermos o AMOR em plenitude. Porém devido a grande limitação de nossa linguagem ainda temos dificuldade em entender o significado da palavra Amor, obviamente, do ponto de vista Cristão. Mas a Doutrina Espírita, no Evangelho Segundo o Espiritismo (ESE), no capítulo 11 (Amar o próximo como a si mesmo), itém 9, Fenelon nos ensina que o Amor tem 7 filhas: Caridade, humildade, paciência, devotamento, abnegação, resignação, e sacrifício. Portanto o Amor Cristão, não é apenas um sentimento, mas uma atitude! Basta rememorarmos a vinda e vida de nosso Governador Espiritual, Jesus, que viveu o AMOR em plenitude entre nós. Gostariamos, por fim, de sugerir uma leitura edificante, que é um exemplo primoroso do que seja AMOR. Sugerimos a leitura do livro “Renuncia” (Emmanuel/Chico Xavier), onde Alcíone vive de forma integral o AMOR Cristão, não se deixando levar por sentimentos inferiores de vaidade, orgulho e egoísmo, e ensinando, com exemplos, a todos nós o signifidado da palavra Amor! Que Jesus nos ilumine hoje e sempre!

    Curtir

  34. Luiz Eduardo disse:

    Realmente Rudy, o Amor tem qualidades avassaladoras. Se me permite, te dou uma dica. O AMOR na sua essência mais verdadeira, não está identificado com nenhuma outra pessoa, isto é, ele é tal que voce se sente UNO com todo o Universo, com toda a criação e portanto, todos os seres. Quando voce atingir esse estado, que poderia dizer, estado de iluminação, voce estará transbordando AMOR, sendo que só isso te bastará. Não será preciso ter nada em troca, pois enquanto houver a necessidade de ser amado de volta, ai estará o sofrimento. Voce receberá inclusive, muito mais AMOR se não estiver esperando nada em troca. Esse amor de troca é ainda o AMOR identificado com o outro. Pode-se até ter experiencias lindissimas com essa ou aquela alma, mas é apenas um estagio para um AMOR ainda mais Avassalador, que é o verdadeiro AMOR Incondicional. E pra isso, é preciso ir se desidentificando com o EGO, a falsa identidade e todas essas coisas desse nosso mundo de ilusão que voce bem sabe. Abraços e que seu caminho seja cada vez mais iluminado.

    Curtir

      1. karina disse:

        Li este texto, e me encaixei completamente dentro dele. Eu nao gostaria de ter encontrado meu amor de vida passada, pois ele chegou e destruiu tudo o que eu tinha. E eu acabei estragando tudo o que eu tinha com ele tbm :\ agora nao consigo amar ninguem, e sinto uma grande atração por essa pessoa, mas nao quero sentir :x fodaaa

        Curtir

  35. Dolores Sátiro dos Anjos disse:

    Tudo isto que você escreveu é a mais pura verdade. Fiquei muito feliz em saber que existem mais pessoas com este nível de compreensão. O amor verdadeiro é a coisa mais pura, mais bela e infelizmente a mais rara que existe! Mas os seres humanos confundem o amor com outras coisas e daí vem o sofrimento,pois a paixão por exemplo é como uma chama, que logo desaparece. Porém o objetivo da encarnação é a evolução da alma, Todos nós temos toda eternidade para evoluirmos, e o aprendizado com certeza se fará com todos! Parabéns!!! Gostei muito!!! Sábias palavras! Paz Profunda!!!

    Curtir

  36. ale disse:

    Eu estou vivendo isso. Um amor de vidas passadas, que veio atrás de mim nessa encarnação, mas tem uma namorada. Vivemos uma história curta, porém intensa… Mas ele escolheu a namorada, por alguns motivos descritos no texto…
    Desde q nos conhecemos, foi uma coisa diferente…
    A parte do arrependimento? Ontem conversei com ele sobre isso e não houve arrependimento nenhum de ambas as partes. Como diz no texto…
    Parece até q isso foi escrito pra mim…
    Mas continuamos amigos… escolhemos assim… pq ela é importante pra ele tb. E temos algumas diferenças, que a sociedade é meio preconceituosa… o q não vem ao caso.
    Só fico me perguntando: será que nunca vou ser feliz com outra pessoa nessa vida?

    Curtir

  37. simone disse:

    É verdade, nada resiste ao amor da vida passada,desde que essas almas não estejam cumprindo e concluindo seus karmas passados no sentido da evolução.hoje acredito que amores espirituais,são vividos em planos espirituais,se consideramos que esse plano de terceira dimensão é uma escola para provas e expiações, com exceção daqueles que estão aqui e se reencontram porque há uma missão em comum.

    Curtir

  38. Ankor disse:

    O amor que nós sentimos é apenas um direcionamento para algo maior. Muitas vezes nós magoamos alguém em nome de um suposto amor que para nós parece muito, mas com o tempo tende ao ridículo do egocentrismo.

    Curtir

  39. Marcela. C. Severonico disse:

    É lindo o seu texto mas nem sempre as pessoas estão abertas ao amor e ainda mais ao verdadeiro, acho que esse amor que você descreve só mexe com pessoas que ainda possuem alguma alma e não vivem somente essa vida material neurótica. O amor é acho que é uma grande loteria, você conseguir encontrar, reconhecer e ser correspondido é muita sorte…Mas existem outros sentimentos na vida que são lindos como o amor, como amizade, companheirismo, e etc… Se alguém ainda for capaz de sentir isso nos dias de hoje e melhor, por você como você sente por ela…olha, eu não arriscaria por nada mesmo se fosse o amor de outras vidas. As relações estão muito superficiais, vazias pois as pessoas estão assim por dentro.Mas eu ainda acho apaixonante quando eu reconheço qualquer resquício de humanidade em outro ser humano.

    Curtir

  40. DALVA disse:

    Maravilhoso! Mas como saber se a pessoa que amamos tanto é a mesma de outras vidas ou de vidas passadas? E nossos filhos que amamos incondicionalmente, também já os amamos em outras vidas? E se minha alma gemea de vidas passadas está vivendo um casamento que é considerado perfeito nesta vida e por acaso nos encontrarmos, o que acontecerá? Há como os dois se reconhecerem? Adorei sua matéria, pois esclareceu muitos problemas para os quais eu não havia encontrado explicação até agora. E ainda por cima, tirou-me um peso da consciencia, pois não há como imaginar o que houve: foi tudo muito de repente, sem uma explicação sequer, Apenas aconteceu, sem que ninguém se desse conta. Agora eu sei que somos amores de vidas passadas e que não é culpa nossa, pois fizemos tudo para evitar… E VIVA O AMOR…Obrigada!

    Curtir

  41. Monalisa. disse:

    Chorei ao ler este texto. Precisava ouvir alguma coisa boa!!!!!!!!! Muito obrigada. Eu amei e vou aocmpanhar mais vezes.

    Realmente tem cosas em um relacionamento que parecem não ter explicação.

    Curtir

  42. Virgínia disse:

    Eu entendi, porém, não compreendi bem… quando se diz: “É óbvio que uma relação sem sentido vai terminar sem sentido”. Ok, concordo. Mas e quando uma relação se inicia como se fosse realmente “um reencontro de almas” (com tudo isso que foi dito, de destruir laços que já estavam formados, sólidos…ser aquela coisa completamente arrebatadora e sem controle) e termina sem sentido? Termina simplesmente pelo fato de uma das partes terem perdido o interesse em relacionar (preferir ficar sozinha, sem ter que ter preocupações e obrigações de um relacionamento), não existe uma outra pessoa, entretanto ainda “resta” sentimento, que provavelmente (ou com certeza) não é amor. Como se entender um caso assim??

    Curtir

  43. Amanda Marcelo disse:

    Concordo em partes, realmente o amor é o bem mais precioso e quando verdadeiro supera qualquer coisa, não existe matéria que possa competir com o amor de almas…Mas, também acredito que existem infinitas possibilidades e histórias, não é possível dizer que só existe uma verdade, e que um novo amor sólido não possa superar um amor passado, sei lá essa é minha opinião!!!
    Mesmo assim gostei muito do seu texto, parabéns!!!

    Curtir

  44. Rinaldo Alves disse:

    Essa questão toda envolve o tema reencarnação, ao qual muito tem o que se dizer e explicar, pois é um tema muito complexo que envolve inclusive certos paradigamas cartesianos, no entanto trata-se de uma teoria espiritual muiito racional até porque ela é fundamentada na lógica e na justiça karmica, é claro que nos falta a comprovação no trato da ciência, entretanto devemos ressaltar que o paradigam cartesiano rui por terra e a psicanalise se tornou o grande expoênte ao tratar essa questão sem preconceito e sem dogamatismo de espécie alguma, sonhamos com o dia em que estas questões poderão ser comprovadas a luz da ciência.

    Curtir

  45. Bruno Borges disse:

    Você escreveu um texto bom, correto, sem exageros e bem fundamentado. Você demonstrou muito mais controle emocional sem deixar de dizer as verdade que precisam serem ditas.

    O mundo precisa, realmente, de mais verdade.

    Luz no Caminho,

    Bruno

    Curtir

  46. Teresa Nunes disse:

    Perfeito! Quem discorda está ainda cego das possibilidades. Todos esss ensinamentos são o prenúncio de uma nova consciência, que tem de estar conectada com o seu veradeiro EU, e não com o falso poder de um mero olhar manipulável. As pesoas casam por hipocrisia e descasam por falta de sintonia.

    Curtir

  47. Dohko de Libra disse:

    Bom, a única coisa que eu posso dizer é que p texto é magnífico, porém infelizmente a nossa realidade é que os relacionamentos ou são baseados em interesse financeiro ou então na barriga de tanquinho e no braço de mais de 40 cm, poucas são as relações onde há o amor, e isso só prova o quanto o Rudy está certo ao dizer que não evoluímos praticamente nada desde a época das cavernas, isso é uma grande verdade, sempre houveram os diferenciais em todos os tempos, mas a rigor eles são e foram sempre os mesmos seres, nada mudou mesmo, e hoje o amor ao dinheiro ou à barriga tanquinho estão ai para mostrar isso.

    Curtir

  48. Miriam Panighel Carvalho disse:

    Também não posso deixar de discordar dessa sua teoria. Desde que seja algo vindo pela vontade de Deus, acho que tem bastante fundamento, sim. Já vivi experiências similares. Não no tocante a um amor de vidas passadas, mas com pessoas que passaram por minha vida como um cometa, mas que marcaram direito. E voltaram. Tornaram-se seres muito próximos sem eu mesma conhecê-los ou visionar seus rostos. Creio que a internet é um veículo que nos propicia muito a encontrar pessoas que estão do outro lado do mundo e, no entanto, causam um verdadeiro rebuliço em nossas vidas. Penso que essas pessoas ( e não são muitas!), de alguma forma já conviveram conosco e nos lembramos delas, como elas de lembram de nós. Por mais que nos queiramos evitar, não tem jeito: sempre estamos nos falando… Talvez seja amor, talvez apenas uma forte amizade. O fato é que isso acontece e verificamos que se torna mais crível exatamente pelo fato de não vermos a outra pessoa. Cai no que você diz, com muita propriedade: são almas, não apenas matéria. E por serem almas é que se reconhecem e se atraem de tal forma que parece sermos tragados por um funil para nos encontrarmos no meio do caminho. E de lá, continuarmos do ponto em que paramos… Parabéns pela sua evolução e clareza de comunicação.

    Curtir

  49. Ana Luiza disse:

    Daniele, o Rudy quiz dizer algo maior do q vc está pensando. O amor de almas não é um simples gostar, é amar sem saber o motivo. É como se a sua alma te puxasse para a da outra pessoa, eu não falo no sentido figurado. A questão da leitura de pensamentos é uma sintonia mais forte q a da maioria e pode ocorrer. É tudo mt maior do que “almas simpáticas”. Simpatia eu tenho por vc, é amor. Eu só discordo do Rudy no sentido de que essas almas vão virar um casal ou algo do gênero, pq a atração não é física, é espiritual.

    Curtir

    1. Daniele disse:

      Entendi Ana…, entendi o que quis dizer…, é que na verdade eu quis usar um termo espirita e até empreguei errado…, o certo é espíritos simpáticos, que possuem “afinidade” espiritual (por isso simpáticos)… Mas eu entendi o sentido…, ou seja é um relação bem profunda, creio eu espiritual mesmo, e não superficial… Beijinhos :D

      Curtir

  50. Daniele disse:

    Que lindo Rudy…, eu concordo com você. Hoje em dias as relações parecem até feitas em contrato, muito apegadas as questões físicas, materiais ou por afinidade qualquer…, não há nada de natural nisso. O amor verdadeiro que só pode estar em harmonia com o universo, é o de almas…, almas simpáticas no mesmo momento de evolução… Lindo, beijos

    Curtir

    1. Bovary disse:

      Lindas palavras, achei que tivesse vivido um encontro desses a pouco tempo, mas acho que não pois ele desistiu de minha alma, não estava disposto a enfrentar as situações comigo. Hoje meu coração está sangrando pois não quero mais a minha vida, quero a nossa e não vou mais ter.

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s