Quem coroaria uma vagabunda como sua rainha ou um drogado como seu rei?

Posted on 7 de março de 2019

1


O casamento é uma coroação. No casamento o homem coroa a noiva a sua rainha e a mulher coroa o noivo o seu rei. Quando o homem coroa a mulher a sua rainha e a mulher coroa o homem o seu rei eles não apenas dizem o que será o casamento como também dizem o que serão os seus filhos. O casamento é uma coroação e como coroação é um ato definitivo de benção ou maldição de tudo que se sucederá a partir daquele momento e a partir de quando ninguém mais poderá reclamar coisa alguma.

Como pode um homem coroar uma vagabunda a sua rainha? Como pode uma mulher coroar um drogado o seu rei? Um reino é o seu rei e a sua rainha. O reino de uma vagabunda é a bagagem da vida profana que ela trouxe com ela para o casamento e o reino de um drogado é bagagem da vida insana que ele trouxe com ele para o casamento. Na coroação do casamento cada um assume ser súdito do reino do rei ou da rainha que coroa. No casamento cada um escolhe o seu reino conforme escolhe seu cônjuge.

Um rei tolo não pode reinar com sabedoria e uma rainha injusta não pode reinar com justiça. Cada um só pode dar aquilo que tem e cada um ao casar deve estar ciente do reino que o seu cônjuge trará consigo para o casal de forma a não esperar qualquer coisa diferente disso e a não exigir de seu cônjuge, da vida e de Deus qualquer coisa diferente disso. Uma pessoa que casa com uma pessoa rasa e vazia não pode exigir densidade e conteúdo no seu casamento e consequentemente na sua vida.

De mesma forma, um pai e uma mãe não podem transmitir qualidades que não possuem a seus filhos, pois cada um só pode transmitir o próprio DNA à sua descendência. Um pai tolo que não possui sabedoria em seu DNA não poderá transmitir sabedoria para seus filhos e uma mãe injusta que não possui a justiça em seu DNA não poderá transmitir justiça para seus filhos. Um pai e uma mãe não podem esperar filhos com virtudes se se propuseram a se reproduzir com pessoas sem virtudes.

O casamento é uma iniciação onde se coroa a pessoa como seu rei ou sua rainha e onde torna-se súdito de seu reino e se vincula a tal reino as vidas futuras que virão com a sua descendência. Ao invés de se preocupar com a aparência física, o prazer sexual, o dinheiro, os bens materiais e o status perante a sociedade, cada um deveria olhar para a pessoa com quem pensa em casar e pensar não apenas se lhe coroaria como seu rei ou sua rainha, mas também se essa pessoa seria digna de que ela lhe beijasse os pés.

 


 

. Para se inscrever para receber por e-mail informações sobre novas publicações neste site basta inserir o endereço de e-mail no campo que se encontra logo acima do botão “Inscrever-se” que se encontra no canto esquerdo da tela deste site logo abaixo de minha foto, clicar em tal botão e seguir as instruções seguintes.

.. Contato: https://rudyrafael.wordpress.com/contato/

∴ Para ver outras publicações relacionadas ao tema consulte o etiquetado logo abaixo.

Posted in: Rudy Rafael